Pesquisa

A Linha do Oriente na Umbanda


Por muitas vezes já ouvimos falar na Linha do Oriente, em outras ocasiões já até acompanhamos e participamos de Giras dessa linha.


Em diversas casas de Umbanda tem uma Gira específica para o povo dessa Linha, e na maioria nas quais eu acompanhei, eram chamados de "Gira de Saúde".

As Giras eram bem silenciosas, iniciadas com uma oração feitas por um orador escolhido pelo responsável pelos trabalhos (na Umbanda esse responsável seria um Pai ou uma Mãe de Terreiro).

Diferentemente de outras Giras de Umbanda, não era tocado os Atabaques, e uma maioria dos Médiuns deveriam ficar em oração silenciosa, para a manifestação da Entidade que seria responsável pelos trabalhos de cura do corpo físico dos filhos que necessitavam evinham em busca de ajuda.

Atuando com a arte da cura, as entidades da Linha do Oriente buscam fazer o encarnado compreender bem as causas de suas enfermidades e a necessidade de mudança nessas causas, bem como a necessidade de seguirem à risca os tratamentos indicados. São entidades que vêm com a missão de humanizar corações endurecidos e fecundar a fé, os valores espirituais, morais e éticos no mental humano.

Essa Linha se divide em 7 falanges e composta em sua maioria por entidades de origem oriental. Nela podemos encontrar as falanges dos hindus, árabes, japoneses, chineses, mongóis, egípcios romanos, entre outras dessa categoria.

Essas Falanges são compostas de espíritos que tiveram encarnação nesses povos e que através do ensino das ciências ocultas, praticam a caridade pregada na Umbanda..

Podemos observar nessas Entidades que representam essa linha uma característica bem comum entre elas, são Entidades discretas, que falam pouco, se utilizam de um linguajar perfeito, não apreciam dar consultas, e se precisam passar algum ensinamento ao consulente, o fazem através de frases curtas e cheias de significados.

A Linha do Oriente é regida por Oxalá, e por Pai Xangô, fogo e calor divino, sendo que as entidades dessa Linha atuam nas irradiações dos diversos orixás, conforme as demais falanges da Umbanda.

É chefiada por São João Batista, que tem o comando dos povos do oriente, onde se manifestam espíritos de profetas, apóstolos, iniciados, cabalistas, anacoretas, ascetas, pastores, santos, instrutores e peregrinos.
A Linha do Oriente é constituída pelas seguintes legiões:

1. Legião dos Hindus - Chefiada por Zartú.                     

2. Legião de Médicos e Cientistas - Chefiada por José de Arimatéia.

3. Legião de Árabes e Marroquinos - Chefiada por Jimbaruê.

4. Legião de Japoneses, Chineses - Chefiada por Ori do Oriente.

5. Legião dos Egipcianos, Astecas, Mongóis e Esquimós, Incas e outras raças antigas - Chefiadas por Inhoarairi, Imperador Inca antes de Cristo.

6. Legião dos Índios Caraíbas - Chefiadas por Itaraiaci.

7. Legião dos Gauleses, Romanos e outras raças européias - Chefiada por Marcus I - Imperador Romano.


Dentro da Umbanda essas Giras que elevam o Povo do Oriente  por muitas vezes não são muito frequentadas, pela cultura de implantação dentre as Entidades da Religião serem maciçamente voltadas aos Índios (Caboclos), Negros escravizados (Pretos Velhos ou Homens e Mulheres que lutaram pelo bem estar de um grupo, que ora excluídos pelo poder capitalista e racial de uma região (Exús, Pombo Giras e Baianos), mas mesmo assim essa Linha está na Umbanda, atuando divinamente para auxiliar a quem necessita.

A saudação para a Linha do Oriente é “Salve o Povo do Oriente!”. Alguns usam a saudação Kaô! (João Batista, ou dando o nome do Orixá, Xangô) e também “Salve o Povo da Cura!”.
Mas independente da saudação dada, o que nos vale é a fé que estamos dispostos a demonstrar, não somente a essa Linha, mas em todas as outras que buscamos em um Terreiro de Umbanda.

Salve o Povo do Oriente!
Salve nossa Umbanda Sagrada!


Fonte. Carlos de Ogum. umbandayorima.blogspot.com



Um comentário:

  1. Será que povos antigos como astecas, incas, romanos estiveram estagnados no astral, não reencarnaram? Será que a reencarnação é consenso na doutrina de Umbanda?

    ResponderExcluir